Da “Paquera” ao “Casamento”: saiba conquistar seus clientes

segunda-feira, 20 de março de 2017, por Natalia Bretones

Paquera, namoro, noivado e casamento: O guia do ciclo de vida de um relacionamento empresa-cliente para você aprender a conquistar seus clientes potenciais.

 

Não, isso não é um guia do Tinder (e você não leu errado rs).

Para conquistar o cliente (seja em qualquer área) você terá que aprender o ciclo de vida de um relacionamento empresa-cliente, e perceberá que, a cada momento, você renova este relacionamento.
“Mas como assim?”, eu explico: você pode se surpreender ao perceber que esse ciclo se inicia muito antes até do primeiro contato: se inicia ao pensar como um consumidor. Se inicia quando você pratica a empatia.

São esses os 4 ciclos de vida de um bom relacionamento para conquistar, encantar e surpreender o cliente:

 

alvin-mahmudov-221416

 

 

1. A Paquera

O seu potencial cliente precisa conhecer o seu produto, ou seja, você precisa ser interessante aos olhos do seu cliente, ou por uma série de fatores, seja qual for ele: o preço, o site que carrega rápido ou um ótimo atendimento, assim ele ficará interessado em você.

É a hora da paquera: descubra os interesses do cliente e esteja pronto para esclarecer dúvidas, mas não tente adiantar os passos. Uma boa paquera é aquela que demonstra intenção, mas não se apresse à conquista. Mantenha seu foco em tentar entendê-lo – os clientes adoram um bom atendimento.

 

2. Em um Relacionamento Sério com Meu Cliente

Você não precisa trocar o seu status de relacionamento do seu Facebook, mas precisa ficar atento para estreitar as relações com o seu cliente. Agora que ele tem interesse pelo seu produto, ele fará algumas perguntas e você precisa entender as necessidades dele e se mostrar confiante e seguro em aquilo que está oferecendo, sendo firme de que irá cumprir tudo o que promete entregar. Se possível mostre casos de sucesso que o seu produto/serviço proporcionou, e se for o caso, ofereça uma demostração. O ideal é criar um relacionamento onde o cliente se sinta seguro.

 

3. Enfim, o Casamento!

O grande dia chegou, os dois aceitaram o casamento! Que representa a venda ou a aquisição do seu produto/serviço. Será o compromisso entre as duas partes (empresa – cliente) e que em ambas existem as responsabilidades e direitos. E precisamos nos empenhar para acontecer!

Você não pode encantar o cliente somente até a parte da venda, lembre-se: você está em um casamento! Faça o que foi prometido de forma agradável, resolvendo até os pequenos detalhes, como: nas condições de pagamento, prazos e todos os processos que envolvem a realização do projeto.

 

4. “Eu sempre vou te amar!” – A certeza de estar em um casamento sólido

Todo casamento tem seus pontos altos e baixos, e apesar de tudo, você tem que mostrar ao seu cliente que aquela foi a melhor escolha dele, onde você como empresa fará de tudo pelo sucesso da empresa dele. Todo cliente gosta de se sentir importante e bem cuidado por uma empresa que ele escolheu, então faça valer essa confiança.
Se puder, ofereça algum benefício a ele, como forma de mostrar que você valoriza essa relação.
A relação exige investimento e dedicação, mas funciona. Não deixe o cliente na mão. A confiança é muito valorizada no mercado, então esteja pronto para todas as situações.
Quer começar esse ciclo de bom relacionamento com uma agência completa? Entre em contato com a Chairô!

 

Natalia Bretones

Natalia Bretones

Social Media por acidente, blogueira metida à escritora, levemente viciada em storytelling, livros e cachorros. Com 27 anos e tentando virar gente grande.